Crise no Paraguai afasta turistas das compras

Temendo fechamendo da fronteira e crise no país vizinho, lojas e ruas das cidades paraguaias tradicionalmente lotadas de turistas, estão vazias. Segundo informações do site G1, lojistas calculam que o movimento caiu 50% após a destituição do presidente paraguaio.

As pessoas evitam atravessar a fronteira por medo, já que este é um momento delicado para as relações entre os países. O governo brasileiro ainda não decidiu sobre as possíveis sanções e bloqueios que possa vir a fazer, mas tais ações estão previstas em protocolos multilaterais.

Até o presente momento, o trânsito de pessoas entre os países ocorre normalmente.

Leia a notícia completa no site G1: Crise no Paraguai esvazia comércio na fronteira com Brasil