Miami, hora de matar as saudades

Depois de visitar Nova Iorque pela primeira vez e viver essa grande experiência de vida, pegar muita chuva, neve e passar frio, chegou a hora mais emocionante e forte pra mim, voltar a Miami depois de 7 anos. Confesso que está sendo difícil até reviver estes dias agora e escrever este post, rever fotos e lembrar cada momento sem ficar um pouco emocionado. Em NY eu fui um explorador e um turista, em Mia eu me senti em casa novamente.

Sei que muita gente torce a cara pra Miami, outros apenas consideram um bom destino de compras, que de fato é. Pra mim é muito mais do que isso, Miami é a minha cidade (será algum dia, com certeza), foi paixão a primeira vista desde que estive por lá pela primeira vez em 2003, a trabalho, quando eu ainda estava no Terra.

Sou apaixonado pela cultura latina, estudei espanhol durante alguns anos, fiquei fã de Celia Cruz e de salsa. Gosto de praia, compras, gosto de paisagens e clima tropical, amo Miami de todas as formas. Estive lá umas três vezes (esta foi a quarta), sempre enviado pela empresa que trabalhava, na última delas por um mês inteiro, em 2007.

gus-miami

A ansiedade foi grande

Alguns anos passaram, sempre de alguma forma me ligava à cidade, assisti o seriado Dexter inteiro, um dos motivos era porque se passava lá. O sonho de voltar sempre fazia parte de mim, a cada ano só aumentava. Meu visto venceu, tive dificuldade financeiras durante alguns anos, nunca mais pude voltar, mas finalmente chegou minha vez novamente.

Agradeço a Deus porque posso dizer que 2014 foi meu ano, todas as oportunidades que tive, regulizar pendências, retomei inglês no meio do ano (sem sequer imaginar que poderia fazer esta viagem). Juntei algum dinheiro, mas sem nenhum propósito e no último semestre, descubro que meu visto ainda poderia ser renovado, e o melhor, aqui mesmo em Porto Alegre. Este foi apenas o início dos planos de viajar, que agora está virando o blog, com chance de vir muito mais por aí.

Nos vamos a Miami… Onde me diverti muito e fiz MUITAS COMPRAS!

Miami Beach

A Chegada

Lembro que cheguei, estava anoitecendo já, então apenas me instalei no apartamento, carreguei o celular e já saí pra rua. A foto abaixo foi a primeira que tirei logo depois de pisar na Ocean Drive, ver os bares e os neons coloridos.

Momento super emocionante pra mim. Depois de tantos anos, voltar a todo esse visual e clima de Miami. Muito feliz!
Momento super emocionante pra mim. Depois de tantos anos, voltar a todo esse visual e clima de Miami. Muito feliz!

A Hospedagem

Desta vez eu queria ficar na praia, em South Beach (Miami Beach), antes eu ficava próximo da empresa, sempre em Coral Gables. Consegui, aluguei um apartamento (condo como eles chamam), há poucas quadras da praia, no “coração” de South Beach. Fiz uma pesquisa e reservei pelo Flipkey (site do Trip Advisor), troquei alguns e-mails com o proprietário e paguei os 50%, estava feito.

Cheguei lá e achei melhor que o esperado, um imóvel totalmente equipado, com uma vista linda da janala para um terraço, que também fazia parte do condomínio. Foi excelente, e o melhor, diária de 70 dólares. Quem quiser saber mais sobre o “condo”, acessa o link direto aqui: https://www.flipkey.com/miami-beach-condo-rentals/p327262/.

Tentarei ser um pouco mais resumido ao descrever o que fiz em cada dia, pois esta postagem está se tornando um pouco grande. Sei que minha passagem por Miami vai gerar muitos outros posts com cada detalhe, muita dedicação, carinho e já saudade da minha parte.

Miami Beach - Carro

Cronologia da Viagem para Miami

A próxima postagem fala sobre tudo o visitei em Miami, os shoppings, lojas, aluguel de carros e muito mais. Achei melhor dividir em dois posts, porque tem bastante coisa pra contar!

Leia agora: Miami, diversão e muitas compras